Central de vendas 31 3615-1000 31 3615-1000

Encontre seu apê ideal

CHAT
ONLINE

Eu quero
meu apê

18 abr 2016

Mais pessoas teriam condições de comprar o primeiro apartamento se elas aprendessem a economizar. Muitas delas até sabem o que fazer, mas algo as impede de ter êxito nesta tarefa.

Isso, porque, além de não terem disciplina com as finanças, ainda não conseguem se livrar dos juros de outras contas. Em alguns casos, os juros podem comprometer até 25% do orçamento, pois ficam embutidos em crediários e nos cartões de crédito, fato que você talvez nem sabia.

Quer conhecer os pontos que você pode focar para conseguir economizar o dinheiro para a compra de um apartamento? Continue a leitura!

Trace objetivos

Os objetivos são importantes para lhe dar um rumo. Determine, por exemplo, poupar parte do valor para dar entrada em um imóvel, estabelecendo qual seria esse percentual. Lembre-se que, quanto maior for a quantia para a entrada, o financiamento poderá ser menor e melhores serão as condições. Comece por aí, por um valor que seja interessante para começar o financiamento, sem que comprometa a renda da família e com prestações que você possa pagar.

Elimine as dívidas

Lembra da informação sobre juros embutidos? Eles devem ser eliminados e, para isso, é importante quitar as dívidas, dando prioridade àquelas com juros maiores, a exemplo do cartão de crédito.

Se não puder pagar o que deseja à vista, o ideal é juntar o dinheiro e fugir do crediário ou cartão de crédito. Quem compra a vista pode negociar e até impor regras, diferente de quem compra a prazo e precisa respeitar as regras impostas pelo vendedor.

Tenha o controle das finanças

O ideal é o uso de uma planilha de rendimentos para saber o quanto você pode poupar mensalmente e investir. É importante ter clareza acerca de todo o dinheiro que entra e sai da sua renda, o que ajudará a saber onde o dinheiro está sendo gasto desnecessariamente. Ou seja, a planilha permite saber para onde está indo o seu dinheiro. É a melhor maneira de ter controle e responsabilidade com os gastos.

Faça uma reserva de emergência

Reservar uma quantia para emergências, mesmo que pequena, ajudará a não mexer no dinheiro destinado à compra do primeiro imóvel. O ideal é que essa quantia esteja na caderneta de poupança e seja usada em momentos de aperto e dificuldade. Assim, o montante reservado para a compra do apartamento ficará preservada.

Livre-se de despesas que não usa e dos vícios

Muitas vezes, as pessoas se habituam a comprar e contratar serviços que não precisam e nem sabem se vão usar. Pode ser uma assinatura de TV ou revista que apresentam pouco uso, um clube que é pago sem frequentar, entre outras despesas onerosas.

O ideal é identificá-las e se livrar delas para conseguir ter um dinheiro extra para poupar. Você pode até achar que são poucos reais, mas em um ano será uma fonte importante.

O mesmo vale para alguns vícios, manias e caprichos que podem representar um gasto mensal ou semanal. Café, cigarro, álcool e outros podem ser eliminados ou ter o consumo reduzido. Além de ser mais saudável, também ajudará nas finanças para comprar o primeiro apartamento.

O que achou do artigo? No nosso blog há muito conteúdo interessante. Esclareça as suas dúvidas lendo os nossos textos!

Posts Relacionados